REDE TV COMERCIO

terça-feira, 20 de junho de 2023

AGRONEGÓCIOS | GOIÁS

 


Goiás: Prazo para vacinação de gado contra a raiva é prorrogado até domingo (25)

O Governo de Goiás prorrogou até o o próximo domingo (25)  o prazo para a vacinação de bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos e equídeos contra a raiva dos herbívoros. A medida abrange 119 municípios goianos considerados de alto risco para a doença. A expectativa é que cerca de 15 milhões de animais sejam vacinados contra a raiva de herbívoros.

A vacinação do gado é importante para que o prejuízo econômico seja evitado, conforme alerta a médica veterinária Pâmela Fernandes. “Em caso de gado não vacinado, leva muito prejuízo econômico porque se transmite de um para outro animal e geralmente são doenças que não têm controle. Geralmente são doenças que é preciso isolar o gado ou até fazer o abate”, explica.

Penalidade

Produtores que não vacinarem seus bovinos, bubalinos, caprinos, ovinos e equídeos contra a raiva dentro do prazo da campanha receberão multa de R$ 7 por animal não vacinado. Aqueles que não reportarem a vacinação/rebanho serão multados em R$ 300 por propriedade. 

Criadores que ainda não entregaram a declaração estão impedidos de emitir a Guia de Trânsito Animal (GTA) no Sidago, com exceção para abate até 31 de maio. Após esta data, a propriedade estará bloqueada até a regularização. Portanto, é recomendado vacinar os animais contra a raiva e fazer a declaração de vacinação e rebanho para garantir a movimentação dos animais.

Raiva

A raiva é uma doença que pode afetar todos os mamíferos, incluindo humanos. É considerada uma das zoonoses mais significativas em termos de saúde pública em todo o mundo, gerando grandes custos sociais e econômicos.

Veja Mais:

Paraná: últimos dias para cadastro da atualização de rebanhos

Agronegócio representa 19,6% da economia baiana no 1º trimestre de 2023

 



Fonte: Brasil 61

Nenhum comentário:

Postar um comentário