radio

sexta-feira, 24 de junho de 2022

*"Ibaneis assume responsabilidade que é de Goiás", diz Mendanha*

 

                         Foto Rodrigo Estrela.  

O pré-candidato ao Palácio das Esmeraldas, Gustavo Mendanha (Patriota), voltou a criticar a ausência do Governo de Goiás nos municípios do Entorno do Distrito Federal. Durante agenda nesta sexta-feira (24), na região, o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia disse que o governador do GDF, Ibaneis Rocha (MDB), “assumiu a responsabilidade de cuidar dos goianos”. 

Gustavo lembrou que no ano passado, durante o pico da Pandemia de Covid-19, Ibaneis chegou a pedir que o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil), cuidasse da população do Entorno. O emedebista reclamou que por falta de vagas em hospitais de Goiás, os moradores da região buscavam auxílio em Brasília, superlotando as unidades de saúde do DF. 

"Já assumi a responsabilidade do Entorno. Esse problema é meu! A população paga impostos em Goiás e utiliza os serviços públicos de Brasília. Mas, tendo a oportunidade, elas terão orgulho de dizer que são goianos", disse Mendanha.

Gustavo Mendanha intensificou as agendas na região com objetivo de ouvir as demandas da população local, que “se sente abandonada pelo atual governador”. O Entorno do Distrito Federal abriga mais de 30 municípios e é a segunda região mais populosa de Goiás. 

*Agência de Desenvolvimento*

Uma das propostas do ex-prefeito de Aparecida para a região é criar uma Agência de Desenvolvimento da Região Metropolitana, gerida por um conselho com representantes de cada um dos municípios do entorno para discutir e construir projetos. O órgão terá orçamento próprio.

Gustavo Mendanha esteve nas cidades de Alexânia e Cidade Ocidental, onde realizou visitas ao comércio e lideranças religiosas da Igreja do Santuário do Jardim Imaculada.

quarta-feira, 22 de junho de 2022

PRÉ-NATAL: SUS faz acompanhamento de gestantes de alto risco


 Mais de 260 mil mulheres tiveram parto em gestação de alto risco no Brasil (cesariano e normal), de acordo com dados preliminares do Ministério da Saúde. O atendimento à gestante de alto risco é uma das prioridades da pasta, que deve investir R$ 1,6 bilhão na ampliação da Rede de Atendimento Materno Infantil (Rami). Mas para prevenir problemas, as mulheres devem buscar atendimento logo no início da gestação, até a 12ª semana de gravidez. 

Os exames rápidos feitos na primeira consulta da gestante no Sistema Único de Saúde (SUS), como HIV e sífilis e os testes para identificação de disfunções no sangue, podem indicar a necessidade de um cuidado especial para a mulher e o bebê. Nesses casos, chamados de gravidez de alto risco, o SUS também oferece assistência integral.

O acompanhamento pré-natal adequado garante uma gestação mais saudável e diminui os riscos de morte materna ou fetais. Em 2020, segundo o governo federal, foram 1.965 óbitos maternos, número 24,2% maior do que em 2019. De acordo com a diretora do Departamento de Ações Programáticas Estratégicas do Ministério da Saúde, Lana de Lourdes Aguiar Lima, a redução desse número é um dos principais objetivos da pasta. “Estratégias inovadoras, com recursos da Saúde Digital, estão sendo incentivados para melhoria da qualidade e do acesso às gestantes que enfrentam as barreiras de acesso comumente encontradas nas áreas remotas do país”, diz. 

A enfermeira da rede pública de saúde do Distrito Federal, Isabella Damascena, alerta que não existe gestação sem risco. “A maioria tem baixo risco, mas quando há alteração, pressão alta por exemplo, há o pré-natal específico de alto risco na rede pública”, explica. 

A gravidez de alto risco exige acompanhamento mais específico e em geral em clínicas materno-infantis ou hospitais, para que as gestantes sejam acompanhadas por profissionais especializados. Se em uma gestação for constatada a má formação do feto, por exemplo, essa mulher precisa ser encaminhada para uma unidade de saúde que tenha especialidade em medicina fetal, o que ocorre a partir da Atenção Secundária. 

“A mulher, quando apresenta alterações durante o pré natal, tem risco aumentado de desenvolver alguma doença após a gestação e de complicar essa patologia. Por isso precisamos do cuidado específico e rigoroso”, completa a enfermeira Isabella.

Entre os fatores que caracterizam uma gravidez de risco estão:

  • Doenças hipertensiva
  • Gestação gemelar 
  • Placenta prévia
  • Malformações fetais
  • Diabetes gestacional 
  • Características individuais e condições sociodemográficas desfavoráveis
  • Problemas em gestações anteriores

Toda gestante tem direito ao pré-natal no SUS Após constatação da gravidez por exame de sangue, que pode ser feito em qualquer posto de saúde ou hospital público, a mulher deve comparecer a um posto de saúde com identidade e comprovante de residência. 

Para mais informações, acesse o site do Ministério da Saúde: saude.gov.br
 



Fonte: Brasil 61

*Em Goianésia, Mendanha recebe título de cidadão e apoio de vice-prefeito do União Brasil*

 

O pré-candidato ao Governo de Goiás, Gustavo Mendanha (Patriota), recebeu o título de cidadão goianesiense em sessão solene, na noite desta terça-feira (21), que marca o aniversário de 69 anos de Goianésia. A proposta é de autoria do vereador Carlos Veículos (PSD), com aprovação de todos os membros da Casa de Leis.

"Essa honraria aumenta meu senso de responsabilidade com Goianésia. Eu, que tenho o desejo no meu coração de cuidar e proteger da Princesinha do Vale, estou muito feliz de agora ser um filho daqui", disse Mendanha. 


A relação entre as lideranças de Goianésia com o ex-prefeito de Aparecida foi estabelecida durante a pandemia da Covid-19 e também devido ao projeto Cidade Inteligente, implementado em Aparecida. O propositor da homenagem justifica que a iniciativa é "pelo suporte aos goianos, especialmente aos goianesienses no tratamento de saúde, principalmente oferecendo leitos de UTI", ele disse ainda que acredita no potencial de Mendanha para governar Goiás e cuidar de Goianésia. 

O prefeito de Goianésia, Leonardo Menezes (União Brasil), lembrou da visita feita em Aparecida de Goiânia para conhecer “os feitos do gestor reeleito (Gustavo Mendanha) com 98% dos votos válidos”. O presidente da Câmara, Fábio Oliveira (PROS), agradeceu ao ex-prefeito por ter aceitado o convite.


Durante entrega do título de cidadão de Goianésia ao governadoriável, o vice-prefeito de Goianésia, João Pedro Almeida (União Brasil), manifestou apoio à pré-candidatura de Gustavo Mendanha.

*Homenagens*

O ex-prefeito de Aparecida segue nos próximos dias com uma extensa agenda pelo interior do estado. A comitiva de Mendanha terá compromissos em Anápolis, Uruana, Itapuranga, Carmo do Rio Verde e Entorno do Distrito Federal. A série de visitas se estende até sábado. 


Em Anápolis, o governadoriável participou de reuniões, visitou o camelódromo e atendeu aos veículos de comunicação do importante município para o desenvolvimento regional.  Ele aproveitou para reforçar que Anápolis terá participação efetiva no governo, caso seja eleito. 

Na quinta-feira (23), serão entregues várias homenagens. Em Carmo do Rio Verde, está programada uma Moção de Congratulação no Legislativo municipal; já em Uruana e Itapuranga, Gustavo Mendanha recebe dos vereadores dessas respectivas cidades moções de aplausos.

Fotos: Rodrigo Estrela 

terça-feira, 21 de junho de 2022

MDR repassa R$ 16,6 milhões para a continuidade de obras de saneamento em 11 estados


 O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), vai repassar R$ 16,6 milhões para a continuidade de obras de saneamento básico em 11 estados do País. Serão beneficiados municípios da Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraná, Rondônia, Santa Catarina, Sergipe e São Paulo.

“Os investimentos em saneamento básico garantem a preservação do meio ambiente, a melhoria das condições de saúde e mais qualidade de vida para a população. Estamos nos esforçando para garantir recursos para a continuidade e a conclusão da maior quantidade possível de obras”, destaca o ministro do Desenvolvimento Regional, Daniel Ferreira.

O maior repasse, de R$ 3,06 milhões, será destinado a Joinville, em Santa Catarina. Os recursos serão usados na implantação de rede coletora nas bacias 8.1 e 9 da cidade. Ainda na Região Sul, o município de Curitiba, no Paraná, vai contar com R$ 115,2 mil para a execução de quatro bacias de contenção na sub-bacia do Rio Barigui, além de perfilamento do Rio Cascatinha e construção de galerias nos Rios Cascatinha e Uvu.

No estado da Bahia, duas cidades serão beneficiadas. Camaçari terá acesso a R$ 2,8 milhões para a ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) da localidade de Arembepe. Já Salvador vai contar com R$ 47,6 mil para melhorias no Sistema de Abastecimento de Água (SAA) local.

No Ceará, a capital Fortaleza vai receber R$ 1,13 milhão para o sistema adutor e de reservação do Taquarão, enquanto Juazeiro do Norte terá acesso a R$ 1,84 milhão para a ampliação do SAA dos bairros Aeroporto, Triângulo e São José. Em Sergipe, a cidade de Aracaju contará com R$ 949,6 mil para ampliação do SES da Zona Norte.

No Espírito Santo, a cidade de Vitória vai contar com R$ 291,2 mil para ações de saneamento integrado na Poligonal 1 - bairros São Benedito, Consolação, Bonfim, Penha, Itararé, Gurigica e comunidades Jaburu, Floresta e Engenharia.

Em São Paulo, três cidades receberão recursos. Serão R$ 2 milhões para a capital, para construção de reservatórios de controle de cheias na Bacia do Aricanduva; R$ 213,9 mil para Santo André, para obras de saneamento integrado e urbanização no Complexo Jardim Irene; e R$ 7,3 mil para Carapicuíba, para ampliação do SES local.

Em Goiás, serão repassados R$ 174,4 mil para Águas Lindas de Goiás. Os recursos serão usados em ações de saneamento integrado nos bairros Jardim América II, III, IV, V e VI e no Parque das Águas Bonitas. Já a capital Goiânia terá acesso a R$ 736,4 mil para ampliação do SES local. Em Mato Grosso do Sul, serão destinados R$ 85,1 mil para ampliação do SES da cidade de Três Lagoas.

No estado do Pará, a cidade de Ananindeua vai contar com R$ 363,1 mil para ampliação do SAA do Bairro Águas Lindas. Já Monte Alegre terá acesso a R$ 101,8 mil também para ampliação do SAA. Já Santarém vai receber R$ 195,4 mil para ampliação do SAA no Setor Nova República, Zonas 1, 2, 3, 4, 5 e Livramento.

Por fim, a cidade de Vilhena, em Rondônia, receberá R$ 2,46 milhões para implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário no perímetro urbano da sede municipal.

Novo Marco Legal

Com a sanção do novo Marco Legal do Saneamento, que completará dois anos em julho, o Governo Federal tem como objetivo alcançar a universalização dos serviços de saneamento básico até 2033, garantindo que 99% da população brasileira tenha acesso à água potável e 90%, ao tratamento e à coleta de esgoto.

Investimentos em 2022

Desde janeiro deste ano, já foram empenhados R$ 286,3 milhões do Orçamento Geral da União (OGU) e repassados R$ 178,1 milhões para garantir a continuidade de empreendimentos de saneamento básico pelo País. Outros R$ 504,4 milhões foram pagos para financiamentos por meio do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Atualmente, a carteira de obras e projetos da Pasta no setor – contratos ativos e empreendimentos em execução ou ainda não iniciados – é de 1.058 empreendimentos, somando um total de R$ 41,8 bilhões, sendo R$ 25,2 bilhões de financiamentos e R$ 16,6 bilhões de Orçamento Geral da União.



Fonte: Brasil 61

Incansável, Celeste segue caminhando em bairros, avenidas e ruas das cidades, com pé no chão e a força de uma mulher Por Moisés Tavares--



Celeste Carvalho, esse é o nome da guerreira, determinada, visionária, corajosa, não foge a luta, e quando o assunto é politica para o bem do coletivo(do povo), aí é que ela luta com unhas e dentes. Todos os dias, o dia todo, entra a noite e lá está ela, de casa em casa, bairro em bairro, de cidade em cidade, levando suas propostas, seus projetos que serão colocados em beneficio da população de sua cidade, Águas Lindas de Goiás e de toda região do Entorno. UMA MULHER NÃO FOGE A LUTA! Preparada para missão, Celeste, cresce na opinião publica e pode se tornar a primeira mulher a ser eleita deputada estadual por Águas Lindas de Goiás, neste proposito, ela vai visitando casas de amigos e amigas Sempre acompanhada da sua equipe de lideranças, o irmão Roberto, Tiao, Francisco Viveiros, a Cida, a Renata e Ronaldo do Pinheiro 1. O grupo leva o nome e as propostas de Celeste pré candiadta a deputada estadual e Hildo do candango pré candidato a deputado federal.


*Mendanha recebe homenagens e apoio importante em agendas pelo interior*

 


O pré-candidato ao Governo de Goiás, Gustavo Mendanha (Patriota), retorna ao interior do estado, nesta terça-feira (21), para uma série de compromissos. O governadoriável promoverá reuniões com lideranças locais e receberá homenagens, como Título de Cidadão e Moções de Aplausos. Em quatro dias, a comitiva de Mendanha percorrerá seis cidades goianas. 

O primeiro compromisso será em Palmeiras de Goiás, onde participa de reuniões. De lá, segue para Goianésia para receber o título de cidadão goianesiense, proposta pelo vereador Carlos Veículos. Esse será o primeiro compromisso em Goianésia com apoio público do vice-prefeito, João Pedro Almeida (Almeidinha), do União Brasil. 

Já na quarta-feira (22), o governadoriável concentra a agenda em Anápolis, com atendimento a veículos de comunicação e almoço no camelódromo. 

As homenagens continuam na quinta-feira (23) no Centro e Noroeste goiano, nas cidades de Carmo do Rio Verde, Uruana e Itapuranga. Nesses municípios, Gustavo Mendanha recebe Moções de Aplausos e Títulos de Cidadão.

Mendanha finaliza a agenda no Entorno do Distrito Federal, onde participa de agendas na sexta-feira e no sábado (24 e 25).

sábado, 18 de junho de 2022

Mendanha: "Em pleno século XXI, ainda há em Goiás cidades com via de ligação sem pavimentação”*

 

                    Foto: Rodrigo Estrela 

O pré-candidato ao Governo de Goiás, Gustavo Mendanha (Patriota), voltou a criticar a atual gestão do governo de Goiás pela falta de gerência na conservação e melhoria da malha rodoviária estadual. O governadoriável esteve em Porangatu, Norte goiano, neste sábado (18), onde comandou o 5° Encontro Regional dos partidos que apoiam sua pré-candidatura ao Palácio das Esmeraldas.

"Em pleno século XXI, ainda há em Goiás cidades com via de ligação sem pavimentação. Isso mostra a falta de gerência de um Estado analógico, que não tem um olhar voltado para a segurança e a qualidade de vida da nossa população", condenou Mendanha 

Durante o evento, o governadoriável se comprometeu a asfaltar a via que possibilita aos moradores de Bonópolis acessar a BR-080, rodovia que passa por São Miguel do Araguaia e outros municípios importantes da região. A pavimentação da via é uma demanda antiga da população local.  

*Encontro*

Esta foi quinta edição do evento que tem reunido lideranças políticas que apoiam o projeto ao governo de Goiás encabeçado pelo ex-prefeito de Aparecida. As regiões Sudoeste, Entorno e Sul goiano já receberam o evento pró-Mendanha. A previsão é que sejam promovidos dez encontros em todo o estado. 

Atualmente o grupo mendanhista conta com cinco partidos na chapa: Democracia Cristã (DC), Mobiliza, Mais Brasil 35, Agir 36, Patriota e Republicanos. 

Nos eventos, o governadoriável aproveita para formar multiplicadores do projeto do grupo ao governo de Goiás e para angariar novos apoiadores. Nesta edição, o vice-prefeito de Porangatu, Capitão Pires (Agir 36), formalizou o apoio a Gustavo Mendanha.

quinta-feira, 16 de junho de 2022

*"Não serei governador copa do mundo", diz Mendanha em Caiapônia*

 

                       Foto Rodrigo Estrela 

O pré-candidato ao Governo de Goiás, Gustavo Mendanha (Patriota), disse que estará presente nos municípios goianos durante os quatro anos de gestão. O governadoriável criticou a agenda no interior do atual governador intensificada apenas no período eleitoral. "Não serei um governador copa do mundo, que só aparece de quatro em quatro anos", disse Mendanha. 

A reunião no município contou com a participação de lideranças religiosas e locais, que reforçaram as queixas da má qualidade na distribuição de energia elétrica e das condições ruins das rodovias. Em sua agenda pelo interior, Mendanha tem ouvido constantemente que esses dois problemas comprometem os resultados do agronegócio. 

Mendanha tem percorrido todo o estado para ouvir das lideranças locais as principais necessidades de cada região. O objetivo é elaborar propostas que serão contempladas no Plano de Gestão. 

No documento oficial, que será registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), todos os projetos serão detalhados com o custo, as equipes envolvidas, de onde vão vir os recursos, o cronograma de execução, além dos indicadores e metas. 

O Plano de Gestão do governadoriável prevê ainda a criação de uma secretaria que dará suporte aos municípios. Uma das atividades dessa pasta está a presença permanente do governo nos municípios, inclusive com Gustavo Mendanha despachando nas cidades periodicamente. 

O pré-candidato estava acompanhado da deputada federal Magda Moffato (PL); do presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Aparecida, André Fortaleza (MDB); além dos ex-prefeitos de Bom Jardim e Quirinópolis, Cleudes Bernardes, Baré (PSBD) e Gilmar Alves (Agir 36), respectivamente. 

Após reunião em Caiapônia, a comitiva seguiu para Doverlândia, onde Mendanha recebeu uma Moção de Aplausos,  proposta pelo vereador Manoel Menezes (Progressistas).

terça-feira, 14 de junho de 2022

*Mendanha defende simplificação dos processos no setor público com uso de tecnologia*

 



Em fala direcionada ao setor empresarial, o pré-candidato ao Governo de Goiás, Gustavo Mendanha (Patriota), defendeu a simplificação dos processos burocráticos no serviço público e empresarial a partir do uso da tecnologia. A declaração foi dada durante sabatina promovida pela Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg), na manhã desta terça-feira (14), na sede da instituição em Goiânia.

Mendanha criticou o governo do Estado por ser “um dos mais atrasados do país” na utilização de tecnologias que garantam a eficiência dos processos. "Só teremos um estado forte, com uma economia forte. Hoje, o estado está travado pela burocracia, pela falta de atratividade às indústrias. Precisamos de uma gestão inteligente que potencialize a vocação de cada região", disse. 

Para resolver os problemas ocasionados pela burocracia, Mendanha se comprometeu a criar um fórum de desburocratização para destravar os processos que prejudicam os empresários. O governadoriável defendeu a utilização das tecnologias para melhorar a competitividade dos negócios.

A falta de incentivos do Governo do Estado, destacou o pré-candidato, tem levado ao fechamento de CNPJs, “comprometendo a geração de emprego e renda no Estado”. Gustavo Mendanha apresentou estatísticas que retratam a falta de competividade em Goiás.  “Em 2021 foram decretadas 43 falências e 201 pedidos de recuperação judicial, números superiores aos de 2020, segundo dados do Tribunal de Justiça do Estado (TJ-GO)”, lamentou o governadoriável.  

O presidente da Acieg, Rubens Fileti, reforçou que é necessário um olhar voltado para o fomento empresarial. "Tem muitas empresas que chegam aqui já na UTI. Se não fossem as entidades que pegam na mão para brigar pelo empreendedor, teríamos mais CNPJs enterrados. Precisamos de gente que nos apoie para que possamos produzir".

*Aparecida*

Durante a sabatina, o governadoriável disse que Aparecida de Goiânia, segunda maior cidade de Goiás, seguiu na direção contrária ao do estado ao saltar de 37 mil CNPJs ativos para 68 mil, durante sua gestão, entre 2017 e 2022. In

Uma das medidas destacadas por Gustavo Mendanha no período que ficou à frente Prefeitura do Município foi isolamento social por escalonamento intermitente, quando o comércio abria em dias alternados para evitar o fechamento total das atividades e, com isso, conseguir sobreviver durante a crise ocasionada pela pandemia de Covid 19. 

*Instituições*

Representantes de várias instituições empresariais contribuíram com o evento ao apresentarem sugestões e análises do contexto empresarial no Estado. Participaram da sabatina o presidente da Federação da Associação de Jovens Empreendedores de Goiás (Faje), Roberto Viana; o presidente da Companhia de Desenvolvimento de Aparecida (Codap), Luiz Maronezi; e o presidente da Associação Comercial e Industrial de Aparecida, Leopoldo Moreira.

Investir em esporte é investir em lazer, educação, e saúde!

 

Por que investir em esporte? Investir em esporte é investir em lazer, educação, e saúde! As políticas públicas de esporte e lazer são medidas preventivas que visam evitar o adoecimento da população e são acessíveis a qualquer cidadão. Além do esporte e lazer, que trazem respectivamente bem-estar físico e emocional, as ações de atenção primária são cruciais para reduzir o desenvolvimento de fatores de risco que facilitam o aparecimento de doenças. Como foi o caso da covid-19, que tinha como fator de risco: obesidade, problemas pulmonares e cardíacos, que poderiam ser amenizados com atividade física implementadas em suas rotinas. Minha bandeira sempre foi ações preventivas! E dentro do parlamento trabalharei projetos, e emendas, para essa bandeira. Vamos investir em lazer e esporte, para que todos possam partilhar de algo que deve ser um bem coletivo da população. Nossa caminhada não chegou ao fim, ainda temos muito para trilhar! 🙏 Vamos à luta, meu povo! ✌ #hildo #hildodocandango #Hildoéfederal #aguaslindas #aguaslindasshopping #aguaslindasdegoias #aguaslindasgo #padrebernardo #padrebernardodogoiás #cocalzinho #cocalzinhodegoias #santoantoniododescoberto #santoantoniododescobertogo