canpanha da dengue

canpanha da dengue

quarta-feira, 12 de julho de 2023

EDUCAÇÃO Fies: / Candidatos pré-selecionados da segunda edição já podem complementar a inscrição

 


O prazo termina no dia 14 de julho


Os candidatos pré-selecionados  da segunda edição do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) devem complementar a inscrição até o dia 14 de julho. O procedimento deve ser feito exclusivamente pela internet, na página do  Portal Único de Acesso ao Ensino Superior. A economista Catharina Sacerdote explica que o Fies é um programa do Ministério da Educação (MEC) que oferece financiamentos em universidades privadas de todo o Brasil. 

“O Fies é um crédito de financiamento estudantil onde o candidato que participou do Enem, através do Sisu, consegue fazer um financiamento de no mínimo 50% e no máximo 100% dos valores da universidade ou instituição de ensino escolhida”, destaca.

Segundo a especialista, para o estudante ter acesso ele precisa não ter zerado a redação e ainda atender a análise de alguns critérios como a renda per capita da família para saber em qual faixa de financiamento ele estará. “A condição para o estudante ter acesso é a renda per capita do grupo familiar de até três salários mínimos por pessoa  — e é entendido como unidade familiar aquelas pessoas que, eventualmente, contribuam com o rendimento ou tenham despesas atendidas por aquela unidade familiar e, principalmente, aquelas que são moradoras de um mesmo endereço domiciliar”, informa.

O educador financeiro, Francisco Rodrigues, ressalta que o financiamento será feito a juros baixos e ainda terá taxas administrativas por ano ou por trimestre. “A pessoa que estará fazendo esse financiamento, ou a família, vai poder pagar ao final do curso essa oportunidade de participar do programa. Ou seja, poderá parcelar, poderá ajustar com a instituição financiadora, poderá renegociar e poderá pagar de 50% a 100% em diversos anos, ou seja, mais de 5 ou 10 anos.” Ele ainda reforça que é necessário ter comprometimento: “Ao tomar uma decisão de se formar, é importante que a pessoa veja isso como projeto de vida e que não pare no caminho para que não tenha prejuízo”, avalia.

A moradora de Santa Maria, no DF, Noemi Higino Pereira (47), conta que só  é possível fazer uma faculdade porque o Fies financiou 90% da mensalidade: “Jamais teria condições de pagar uma faculdade, entrar na Unip é um sonho, porque quase ninguém consegue e quem vem da rede pública tem que ter muito esforço — e o Fies é sim uma porta e me deu uma chance de me formar. E, hoje, tô me formando no que eu quero; então é muito importante mesmo.” — comemora.

Andressa Caitano Ribeiro (32) diz que trabalha como médica da família em Águas Lindas, Goiás, pelo Mais Médicos. Ela revela que só foi possível fazer a faculdade através do Fies. “Com toda certeza se não fosse o Fies o meu pai não conseguiria pagar 6 mil reais todo mês de faculdade, mais 2 mil reais para me custear. Então graças ao Fies eu sou médica hoje, eu consegui me formar. Estou atuando na medicina e como eu tô atuando no SUS eu ainda tenho a possibilidade de diminuir bastante a minha dívida no Fies, porque eu trabalho pelo Mais Médico e cada mês que eu trabalho eu consigo um desconto dos juros do Fies. Então vai ser bem tranquilo de pagar —revela.

O candidato deve ficar atento porque o prazo para a validação é de até cinco dias úteis após a data da complementação da inscrição, que deverá ser realizada diretamente na instituição de ensino superior para a qual foi pré-selecionado. 

Quem não foi pré-selecionado na chamada única do processo seletivo do Fies constará automaticamente na lista de espera, para fins de preenchimento das vagas eventualmente não ocupadas, observada a ordem de classificação conforme previsto no Edital nº 8/2023, que trata do cronograma e demais procedimentos do Fies 2023/2.   

A eventual pré-seleção dos candidatos participantes da lista de espera ocorrerá durante o período de 18 de julho a 29 de agosto, no Portal Único de Acesso.   
 



Fonte: Brasil 61

Nenhum comentário:

Postar um comentário