FUNDO: 100

quinta-feira, 29 de setembro de 2022

Brasil Vai ser a primeira vez, em 42 anos, que o Brasil crescerá mais que a China, diz Guedes

 


ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o país vive um momento histórico. “Em 2022, vai ser a primeira vez, em 42 anos, que o Brasil crescerá mais que a China”, afirmou, em entrevista ao Flow Podcast, na terça-feira 27.

Guedes citou a previsão do Banco Mundial para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) chinês, de quase 3% neste ano, e lembrou que a expansão da economia brasileira será maior. O ministro também garantiu que o Brasil fechará mais acordos comerciais “até o fim do ano”, que vai ajudar o PIB.

“Fizeram previsões catastróficas sobre a nossa economia”, observou. “O Brasil voltou a crescer 4,5%. Neste ano, todo mundo dizia que teria recessão, porém, estamos crescendo mais que os Estados Unidos, a França e a Alemanha.”

Guedes ressaltou a força da economia brasileira, apesar de adversidades. “Fomos atingidos por dois ou três acidentes econômicos fulminantes”, disse. “Mesmo assim, no primeiro trimestre de 2020, o Brasil estava começando a decolar. Até agora, nós não tínhamos conseguido bater a arrecadação no início de 2020, que era um sinal de que a economia já estava começando a decolar. Nosso plano original era crescer 1% no primeiro ano, fazer as reformas, 2% no segundo ano, ir acelerando, 3%, 3,5%. O Brasil já está no caminho da prosperidade, recuperando sua dinâmica de crescimento.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário