SAÚDE

SAÚDE

sábado, 6 de agosto de 2022

*Prefeitura Sanciona Lei que reconhece caráter educacional e autoriza ensino da capoeira na rede municipal*

 



_A Câmara Municipal de Águas Lindas, aprovou e o Prefeito Municipal, Dr Lucas Antonietti, sancionou a Lei Municipal nº 1559/2022, que institui o reconhecimento do caráter educacional e formativo da capoeira em suas manifestações culturais e esportivas, no Município._


A nova Lei contribuirá para a construção da descolonização da grade curricular valorizando elementos da cultura afro-brasileira. O feito foi celebrado em cerimônia na Câmara Municipal na manhã da última quarta-feira(3), em homenagem ao dia do capoeirista, comemorado nacionalmente no dia 3 de agosto.


Estiveram presentes, juntamente com o Prefeito Municipal, Dr Lucas Antonietti, o Vice Prefeito Jorge Amaro, o Secretário Municipal de Esporte e Lazer, professor Ulisses Leal, Secretário Municipal de Educação, Evandro José, Vereadores do Município, Secretários e Mestres da Capoeira do Município.



A capoeira é uma expressão cultural brasileira que engloba arte marcial, dança, cultura e música, mas antes de ser uma arte, a capoeira simboliza a luta e resistência dos povos africanos e afro descendentes que foram escravizados no Brasil no período Colonial.


O capoeirista e Diretor Executivo da Secretaria Municipal de Educação, Israel Souza, iniciou a cerimônia destacando a importância do evento e da aprovação da lei no município.


“A capoeira que me ajudou a ser a pessoa que sou hoje, com caráter, disciplina, e humildade, estou muito feliz, inclusive com essa lei que foi aprovada da capoeira nas escolas”, disse.


O mestre de capoeira, Pestana, um dos primeiros capoeiristas do município, se emocionou ao falar da arte da Capoeira,“ a capoeira transforma vidas". O Mestre falou também sobre a importância na formação como ser humano e qualidades como paciência, disciplina e responsabilidade que são adquiridas através da capoeira.


O Mestre de capoeira, Jacaré, fundador da Associação de Capoeira GMV, enfatizou o apoio que o esporte vem recebendo do governo municipal. 


“Nós capoeiristas temos que dar valor na nossa casa e a nossa casa se chama Águas Lindas, hoje a nossa valorização dentro de Águas Lindas vem através de vocês, agora sim a capoeira está dando rumo para gente, hoje a gente pode tirar um aluno da rua e falar você é capoeirista, antigamente a gente era discriminado e hoje a gente tem a ajuda da prefeitura e dos políticos”, comemorou o mestre de capoeira, Jacaré.


Para o Mestre de Capoeira Vasquim, do grupo Arte da Ginga, é uma forma de disciplina e educação para crianças e jovens.


“Trabalhamos com autistas, com cadeirantes, não tem preço a alegria deles está jogando, quem trabalha com o autista sabe a dificuldade que é, porque você tem que trabalhar a capoeira, a mente dele e o comportamento dele, para nós mestres é gratificante mas é trabalhoso, ponderou.


*“É mais do que justo colocarmos em prática a capoeira na nossa cidade”*


O Prefeito Municipal, Dr Lucas Antonietti, destacou artigos da Lei Municipal nº 1559/2022, que institui a capoeira nas escolas e disse contar com a ajuda do Secretário Municipal de Educação, Evandro José, para a implementação da lei. 



“Com essa lei nós tornamos oficial o trabalho e a parceria com todos os nossos alunos nas escolas municipais, nós do governo municipal estamos à disposição para apoiar não só a capoeira, mas todo esporte de forma geral, não tenho dúvidas que o esporte é uma plataforma muito econômica para que possamos unir pessoas, unir cultura e com um projeto de educação podemos proporcionar desenvolvimento para esses meninos, que começam a praticar desde a disciplina, autoconhecimento e respeito ao próximo”, concluiu. 



A capoeirista, tia Rosa, falou do papel da mulher na capoeira e sobre a democratização desse espaço.


“Que o convívio social nesse mundão tão cheio de preconceito e descriminalização seja respeitado e valorizado dentro de uma roda de capoeira, lugar de mulher é onde ela quiser”, completou. 



O Secretário Municipal de Educação, Evandro José, reforçou que a lei fosse cumprida nas escolas municipais.


“A nossa determinação é que a lei fosse cumprida e que as escolas abrissem os portões para que a cultura e o lazer fossem cada vez mais agraciados”, completa.


O idealizador do projeto e capoeirista, Vereador Vanderlei Blá, declarou que os capoeiristas agora têm o apoio do governo municipal.


‘É uma luta constante, ela não termina aqui, vamos sempre está a frente, trabalhando em função disso junto com o Prefeito”, declarou.


Para o Secretário Municipal de Esporte e Lazer, professor Ulisses Leal, a capoeira não é só uma modalidade esportiva, "é uma cultura, uma arte”. 


“O nosso objetivo foi resgatar a essência não só da capoeira mas de todas as modalidades esportivas que a nossa cidade tem”, comentou. 


O Vice Prefeito Jorge Amaro, finalizou a sessão declarando que o objetivo é fazer com que o município se desenvolva cada vez mais por meio do esporte e da cultura. 



É o Governo Municipal trabalhando para você!


Prefeitura de Águas Lindas de Goiás!


Um novo tempo.




Secom – Secretaria Municipal de Comunicação


Jornalista: Larissa Nunes (DRT – 0004118/GO)


Fotos: Beto Castanheiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário