Lima Souza news

Lima Souza news

radio

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2021

Acidente mata quatro pessoas da mesma família em Minas Gerais

Segundo a Polícia Militar, o suspeito de causar a colisão seria parente das vítimas Por Plox 15/02/2021 12h31 - Atualizado há cerca de 5 horas Nesse domingo (14), um acidente na rodovia MG-431 matou quatro pessoas da mesma família, em Itaúna, na região Central de Minas Gerais. O motorista de um outro veículo também morreu no local. Já o acusado de causar o acidente estaria embriagado e seria parente das quatro vítimas da mesma família.
Segundo informações da Polícia Militar (PM), quatro veículos se envolveram no acidente. O motorista de um dos carros teria feito uma ultrapassagem perigosa e causado o acidente. Esse mesmo motorista aparentava ter feito consumo de bebida alcoólica. De acordo com a PM, Ainda de acordo com a corporação, o motorista de um veículo da marca Chevrolet teria tentado realizar uma ultrapassagem perigosa e quase bateu um um carro Volkswagen Santana Quantum, que, para desviar do Chevrolet, desviou para pista contrária e atingiu um Ford Ka. PUBLICIDADE Foto: divulgação/ Corpo de Bombeiros Conforme relatado pelos militares, cinco pessoas estavam no Ka e quatro delas morreram no local, entre elas, uma criança de 11 anos. O motorista do Santana Quantum, de 65 anos, que estava sozinho no veículo, também morreu no local. Um quarto veículo, um Renalt, também se envolveu no acidente. Os ocupantes do veículo tiveram ferimentos leves. A vítima ferida do Ford KA e os outro feridos foram socorridos e encaminhados para um hospital em Itaúna. Motorista que teria ultrapassado fugiu Conforme relatado pelos policiais, os militares receberam a informação que o motorista do Chevrolet seguiu pela rodovia, no sentido Pará de Minas. Os militares iniciaram as buscas pelo carro e o encontraram, em um sítio da região. Ainda segundo a polícia, o condutor do Chevrolet fez o teste do bafômetro e foi constatado teor de álcool no sangue acima do permitido. Ele foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil. O acusado tem 33 anos e seria parente das quatro vítimas fatais do Ford Ka. O caso será investigado. fonte:https://plox.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário